domingo, 8 de outubro de 2017

Reator Experimental Teórico de Fusão Nuclear por Ultracentrifugação

Finalidade:

Obter fusão nuclear de forma gradual e controlada, utilizando a força centrífuga como indutor do processo.

Funcionamento:

Uma centrífuga especial, a vácuo, com rolamentos magnéticos, rotaciona duas ou mais cápsulas reforçadas contendo Hidrogênio líquido, à velocidades absurdamente altas.

Um longo tubo circular reforçado pode ser usado no lugar das cápsulas, para acomodar maior volume de Hidrogênio líquido.

A força centrífuga gerada, similar sob muitos aspectos à força da gravidade, atinge um patamar onde força os átomos do Hidrogênio a se fundirem, produzindo Hélio. Um processo muito próximo do que ocorre naturalmente no interior das estrelas.

Isso resulta na geração de grandes quantidades de calor.

Essa energia pode, então, ser utilizada para aquecer turbinas de vapor e gerar energia elétrica.

Uma vez exaurido o Hidrogênio, o sistema é desligado para a retirada do Hélio resultante e a reposição de mais Hidrogênio líquido.

Um sistema de frenagem eficiente poderia ser feito ao se bombear ar, bem gradualmente, na câmara de vácuo.

Se for necessário aumentar também a pressão do Hidrogênio, êmbolos podem ser instalados no braço da centrífuga para injetar por centrifugação mais material nas cápsulas.

Vantagens:

A taxa de fusão nuclear poderia ser controlada pela velocidade de rotação do sistema. Poderíamos, em tese, estabilizar o giro do equipamento para obter calor constante, compatível com a geração de vapor, ao mesmo tempo que respeita-se os limites de temperatura naturais e a integridade dos materiais empregados.

O sistema permitiria a fusão nuclear parcial do hidrogênio rotacionado, sem a formação de plasma, dispensando a complexa e energeticamente custosa contenção eletromagnética.

Dificuldades Técnicas:

Os materiais empregados no sistema rotatório teriam que ser absurdamente leves e resistentes, pois seriam submetidos à tensão e pressão interna extremas.

Alguns testes seriam necessários.
Poderíamos experimentar sistemas rotatórios mistos, com materiais como o Titânio, Tungstênio, Grafeno ou similares.
Existe a possibilidade de não encontrarmos, ainda, algum material adequado.

A quantidade de energia empregada no próprio sistema rotatório pode ser inicialmente elevada, mas, uma vez que a velocidade rotacional chegue ao nível necessário, havendo vácuo no interior do equipamento e rolamentos magnéticos no rotor, o atrito, se existir, será desprezível. O sistema pode manter-se em rotação indefinidamente, com pouca ou nenhuma energia externa.

Se a estabilização vertical é garantida por um eixo com rolamento magnético, a estabilização horizontal, se for necessária, também pode ser feita por meios magnéticos.

Observações:

Dependendo da velocidade final do sistema rotatório, alguns efeitos relativísticos podem ocorrer. Possivelmente teremos o fluxo temporal mais lento nas proximidades do reator.

Expectativas:

Tal projeto é apenas uma ideia.
Mas, os sonhos de hoje, fazem a realidade do amanhã…

Marcelo Marchi Negreira
08/10/2017

sábado, 17 de janeiro de 2015

Meus Pensamentos

"Não se pode substituir um sábio por um tolo, pois o tolo tende à decisões estúpidas e o sábio à coerência"

"Uma sociedade saudável preserva seus sábios, pois sem eles, caminha perdida pela escuridão"

"Você é uma existência consciente dentro do contexto praticamente infinito do universo"

"Algo está definitivamente errado quando tentam por leis ou artifícios calar a sua voz."

"Cada vida humana é uma rara oportunidade onde uma consciência interage com o universo."

"Pior que o moralismo é o falso moralismo, pois este deturpa os reais valores  de uma sociedade, alienando seus integrantes em lendas e ideias sem sentido."

"Pense mais, estude mais, experimente mais, acredite menos."

"Para que uma sociedade funcione, deve-se dar educação a todos e aos sábios o poder."

"Quem cede diante da força perde sua liberdade, quem o faz pelos argumentos evolui a Humanidade."

"Por trás do poder e da riqueza há sempre um séquito de bajuladores."

"Quando os tolos assumem o poder os sábios tornam-se escravos."

"Se você não entende algo,  não significa que a coisa seja necessariamente errada,  significa, apenas, que você pode estar mal informado. "

"Se os fins justificam os meios, são os meios que definem o caráter"

"A vida pode ser tão bela quanto a Humanidade a queira fazer."

"A morte pode ser como piscar os olhos por um incontável mas não infinito lapso de tempo."

"No contexto praticamente infinito do Universo, qual a probabilidade de algo existente ser destruído e não voltar a existir no futuro?"

"Cada ser humano é um universo de opções num único lugar."

"Bons soldados podem ganhar batalhas, mas são os sábios que vencem a guerra."

 "O pobre não tem maiores salários por não ter mais estudo ? Ou não tem mais estudo por não ter maiores salários ?"

"O sangue é o tempero da intolerância." 

domingo, 9 de novembro de 2014

Pequeno Estudo Filosófico Sobre a Origem e o Destino das Coisas


Nosso Universo é composto de energia.
Essa energia, uma vez acumulada, forma a matéria e a antimatéria conhecidas.
A matéria, forjada por reações nucleares ao longo das eras no interior das estrelas, forma todos os átomos de todas as coisas.
E os agrupamentos desses átomos formam as moléculas de tudo o que você conhece.
Seja a água, um livro, uma maçã, um cachorro, eu ou você !
O que é a água, senão o agrupamento de átomos de Hidrogênio e Oxigênio com uma determinada organização em particular ?
O que é um ser vivo, senão o agrupamento de moléculas de materiais diferentes regidos em forma e funções pela molécula de DNA ?
O que é você, senão uma macromolécula orgânica, personalizada com memórias, sentimentos, e reflexões próprias, causados por uma longa cadeia de eventos que iniciou-se com sua concepção ?
Dá muito o que pensar...
Mas o que eram essas coisas antes de existirem ?
O que seria um cachorro, num Universo onde os cães ainda não tivessem surgido ?
Ou um livro, antes que algum livro tivesse sido escrito ?
Seriam probabilidades !
Todas as coisas possíveis e impossíveis são probabilidades.
Apenas as coisas possíveis em nosso Universo, aquelas que não transgridam as leis naturais, podem, em algum momento, deixar de serem apenas probabilidades para se tornarem fatos, coisas existentes.
E, um dia, quando a entropia do Universo tornar a coisa existente incompatível com a própria existência, ela se torna novamente apenas uma probabilidade dentro de um Universo de infinitas probabilidades.
Se isso estiver correto, as consequências são fantásticas !
Nada é realmente destruído !
Todas as coisas existentes, incluindo você, são probabilidades possíveis, chamadas à existência por uma cadeia de eventos extraordinariamente complexa, que se originou com o nosso Universo.
E, por mais incrível que possa parecer, tudo o que existe hoje pode existir em vários lugares ao mesmo tempo ou em tempos diferentes.
E se existirem outros Universos ?
Então o resultado será o mesmo.
As probabilidades possíveis nestes Universos podem um dia se tornar fatos.
Se forem Universos com leis naturais diferentes do nosso, as coisas existentes lá serão impossíveis aqui, e vice-versa.
Mas se tiverem leis naturais iguais às nossas, tudo o que existe aqui também pode existir lá.
Talvez seja o destino das coisas, tal qual a luz efêmera dos vaga-lumes, serem criadas, retiradas portanto do Universo das probabilidades, para a existência, onde permanecem por algum tempo,
para mais tarde retornarem ao estágio inicial.
Tornam-se novamente probabilidades,
aguardando a oportunidade de existir...

São Gonçalo, 09/11/2014

Marcelo Marchi Negreira

domingo, 28 de setembro de 2014

Falta de Memória em Battlefield 4 com Windows 8

BF4 é um dos melhores jogos de guerra da atualidade.

Com gráficos realistas, som Dolby e uma jogabilidade inigualável, faz você "entrar" numa guerra moderna que envolve as maiores potências militares do planeta.

Seja um soldado "armado até os dentes" e também pilote carros de combate, aviões, helicópteros e barcos de guerra.

Até "drones" e robôs armados mostram toda sua letalidade nesse jogo impressionante, onde condições climáticas realistas podem te colocar dentro de uma grande tempestade tropical.

O modo "solo" tem história envolvente com roteiro cinematográfico.

E o modo "multiplayer" permite que até 64 jogadores mostrem toda sua habilidade em centenas de servidores disponíveis.

Mas, nem tudo é perfeito.

Não é raro o jogo travar por falta de memória, mesmo quando você tem uma quantidade gigantesca de RAM.

O problema parece ser a quantidade de memória que o jogo aloca para os mapas, que acaba resultando em "estouro" de memória.

Um "bug" bastante conhecido, mais ainda não solucionado pela EA Games.

Aqui vai a solução:

1- Abra o painel de controle do Windows.

2- Clique em "Sistema e Segurança".

3- Clique em "Sistema".

4- Clique em "Configurações Avançadas do Sistema".

5- Clique em "Variáveis de Ambiente".

6- Em "Variáveis de Usuário para (Seu Nome)", clique em "Novo".

7- Digite em "Nome da Variável, "files".

8- Em "Valor da Variável", "200".
 9- Clique "Ok".

10- Clique "Ok" novamente.

11- Mais uma vez, "Ok".

12- Reinicie o computador.


Caso o procedimento acima não funcione no seu computador, experimente reduzir o valor da variável "files" para 175,150,125,100,75, etc.
.
Selva !

terça-feira, 17 de setembro de 2013

Como Instalar e Configurar um Proxy de DNS

Sempre que você digita o nome de uma página em seu navegador, aquele www.algumacoisa.com, é necessário que esse nome seja convertido no endereço IP da página.

Esse endereço IP é um código numérico, nada amistoso para se decorar, e que pode mudar de tempos em tempos.

Quem faz a relação entre o nome da página e o endereço IP são os servidores de DNS.

Assim, você digita o nome da página no seu navegador, seu computador manda isso para um servidor de DNS na Internet, e esse servidor converte o nome para o endereço IP da página solicitada.

Esse processo pode ser demorado, afinal, o tempo de resposta do servidor de DNS depende da conexão e também de eventuais sobrecargas.

Existe uma forma melhor de se fazer isso.

Basta instalar um proxy de DNS no seu próprio computador.

Existem diversos programas deste tipo disponíveis, mas vou ensinar a utilização do Acrilic Dns Proxy, por ser de código aberto, completamente grátis e de simples configuração.

Esse proxy faz um cache dos IPs das páginas solicitadas em seu computador, de forma que não é necessário processar os nomes novamente.

1 - Baixe o Acrilic DNS Proxy em http://sourceforge.net/projects/acrylic/


2 - Execute o instalador.

3 - Abra o painel de controle /configurações de rede /configurações do adaptador de rede/

4 - Escolha a rede que você usa.

5 - Clique com o botão direito do mouse e escolha propriedades.

6 - Escolha TCP/IPv6

7 - Marque a opção "Usar o seguinte servidor de DNS".

8 - Selecione "Servidor de DNS preferido" e digite ::1


9 - Clique Ok.

10 - Escolha agora TCP/IPv4.

11 - Marque a opção "Usar o seguinte servidor de DNS".

12 - Selecione "Servidor de DNS preferido" e digite 127.0.0.1



13 - Clique Ok.

14 - Feche todas as janelas.

15 - Reinicie o computador.

16 - Faça login novamente.

17 - Clique em "Start Acrilic Service" no menu iniciar do seu computador.


O Acrilic vai iniciar automaticamente, como serviço, sempre que você reiniciar o computador.

Se tudo foi feito corretamente você vai perceber uma melhora muito significativa na abertura das páginas e até com alguns jogos.


Até a próxima !

quarta-feira, 26 de setembro de 2012

Brasa OS 1.1














Queridos Amigos,

Brasa OS 1.1 disponível e melhor que nunca:

- Nova Arte.
- Repositórios Debian Testing para compatibilidade dos pacotes.
- Pequenas correções e melhorias.
- Navegação anônima por padrão.
-  instalador único com:
 - xorg
 - openbox
 - obconf
 - obmenu
 - slim
 - alsa-utils
 - asunder
 - audacity
 - banshee
 - bleachbit
 - boinc
 - brasero
 - calibre
 - conky-all
 - default-jre
 - docker
 - empathy
 - evince
 - fatrat
 - file-roller
 - flashplugin-nonfree
 - gimp
 - git-core
 - gksu
 - gparted
 - icedtea-plugin
 - isomaster
 - keepassx
 - leafpad
 - libreoffice
 - midori
 - network-manager
 - network-manager-gnome
 - network-manager-pptp-gnome
 - nitrogen
 - ntp
 - p7zip-full
 - pcmanfm
 - playonlinux
 - privoxy
 - radiotray
 - shotwell
 - shutter
 - smplayer
 - tint2
 - tomboy
 - tor
 - unetbootin
 - unrar
 - xsane
 - xscreensaver
 - xscreensaver-data
 - xscreensaver-data-extra
 - xscreensaver-gl
 - xscreensaver-gl-extra

Um Abraço !

sábado, 8 de setembro de 2012

Brasa OS 1.0

Queridos Amigos,

Com grande prazer anuncio o lançamento do Brasa OS 1.0.


- Novo Instalador.
- Nova arte personalizada.
- Navegação anônima pré configurada na versão completa.
- Pequenas melhorias.
- Nova seleção básica de pacotes com:
- apt-build
- xorg
- openbox
- obmenu
- docker
- tint2
- slim
- nitrogen
- pcmanfm
- leafpad
- alsa-utils
- brasero
- isomaster
- midori
- gimp
- xsane
- shutter
- default-jre
- icedtea-plugin
- flashplugin-nonfree
- p7zip-full
- playonlinux
- gksu

- Novo instalador opcional completo acrescentando:
- asunder
- audacity
- banshee
- bleachbit
- fatrat
- keepassx
- libreoffice
- network-manager
- network-manager-gnome
- network-manager-pptp-gnome
- privoxy
- smplayer
- tor
- xscreensaver

Até a pŕoxima !

domingo, 8 de julho de 2012

Instalação e Configuração do Plymouth Linux

Plymouth é um gerenciador Linux para animações gráficas no boot.
Ele permite ocultar o log de texto do boot e mostrar belas animações gráficas antes da tela de login.

Instalação no Brasa OS: apt-build install plymouth.
Instalação no Debian e Derivados: apt-get install plymouth.

Configuração:


1 - Listar os temas instalados com "plymouth-set-default-theme -l"
2 - Selecionar o tema preferido com "plymouth-set-default-theme (nome_do_tema) --rebuild-initrd"
4 - Editar /etc/default/grub
5 - Localizar "GRUB_CMDLINE_LINUX_DEFAULT="quiet"
6 - Substituir por "GRUB_CMDLINE_LINUX_DEFAULT="quiet splash"
7 - Editar /etc/grub.d/00-header
8 - Localizar: "if [ "x${GRUB_GFXMODE}" = "x" ] ; then GRUB_GFXMODE=640x480 ; fi"
9 - Substituir para:
if [ "x${GRUB_GFXMODE}" = "x" ] ; then GRUB_GFXMODE=640x480 ; fi
if [ "x${GRUB_GFXPAYLOAD}" = "x" ] ; then GRUB_GFXPAYLOAD=640x480 ; fi

10 - Localizar:

if loadfont `make_system_path_relative_to_its_root "${GRUB_FONT_PATH}"` ; then
set gfxmode=${GRUB_GFXMODE}
load_video
insmod gfxterm

11 - Substituir por: 

if loadfont `make_system_path_relative_to_its_root "${GRUB_FONT_PATH}"` ; then
set gfxmode=${GRUB_GFXMODE}
set gfxpayload=${GRUB_GFXPAYLOAD}
load_video
insmod gfxterm

10 - Executar update-grub
11 - reboot

É mais fácil do que parece.

Até a próxima!

sábado, 9 de junho de 2012

Brasa OS 0.9

Queridos Amigos,

Brasa OS, sua distribuição Linux de alta performance, em novíssima versão.

- Nova arte gráfica.
- Novo gerenciador de papéis de parede: Nitrogen.
- Upgrade opcional para versão completa com inúmeros programas.
- Suporte para scaner Canon Lide 110 na versão completa.

E muito mais...

Disponível gratuitamente em www.brasa-os.blogspot.com

Até a próxima !!!

terça-feira, 5 de junho de 2012

Navegação Anônima

Cada página existente na internet é identificada por um número, o endereço IP.
O mesmo também acontece com todo computador que se conecta na rede.

Quando visitamos uma página, deixamos registrado o IP do nosso computador e também várias informações como o navegador utilizado, o sistema operacional e a página anterior.

Isso é usado para análise estatística dos visitantes, bem como exibir propaganda relacionada.

Porém, páginas mal intencionadas, governos autoritários e empresas curiosas podem usar esse endereço particular para capturar informações pessoais ou até confidenciais, iniciar ataques cibernéticos ou simplesmente vender seus hábitos de navegação para terceiros, tudo sem sua autorização.

Isso é um sério problema de segurança e privacidade.

Mas tem solução.

Podemos navegar de forma anônima.

Usando um proxy que acessa a página, fornecendo o IP dele, mas repassa o conteúdo para nosso computador.

Existem milhares de proxys espalhados pela grande rede.

Basta procurar.

Mas isso também gera um problema: Se o proxy é mal intencionado pode capturar informações confidenciais que recebe do seu computador.

O que fazer?

Podemos torificar nossa rede.

Tor é um aplicativo desenvolvido inicialmente pelo departamento de defesa dos Estados Unidos.

Ficou disponível e foi modificado para uso civil.

Esse aplicativo faz uma rede criptografada em camadas.

Onde um computador solicita uma página, isso é repassado para outra máquina, que repassa para outra, até que a página é acessada e transferida num circuito randômico que dificulta bastante ou até inviabiliza obter o endereço IP de onde partiu a solicitação.

Tor deve ser usado, preferencialmente com um proxy local que complemente sua segurança.

Aí entra Privoxy.

Esse proxy limpa as informações que seu computador passa para a rede, permitindo uma navegação anônima bastante segura.

A dupla Tor + Privoxy é uma das melhores soluções para navegação anônima e segura.
Ao custo de possível lentidão e poucas páginas que não abrem.

Para instalar no Brasa OS: apt-build install tor privoxy

Para instalar no Debian e derivados: apt-get install tor privoxy

Para a configuração mais simples edite apenas o arquivo /etc/privoxy/config, acrescentando a linha "forward-socks5   /               127.0.0.1:9050 ." no final do arquivo.

Configure seu navegador para acessar a Internet pelo proxy http 127.0.0.1:8118.

Reinicie o sistema.

Até a próxima !